Fórum PSM


Estás a ver o fórum como visitante o que te dá acesso limitado a ele, ao fazeres o registo na nossa comunidade poderás criar e responder a tópicos de discussão, trocar mensagens privadas, participar em votações, entre muitas outras coisas. O registo é simples e gratuito, por isso junta-te à nossa comunidade!

    Rise of the Argonauts

    Compartilhe
    avatar
    Good
    Admin
    Admin

    Número de Mensagens : 947
    Idade : 26
    Localização : Lordelo
    Reputação : 0
    Pontos : 91
    Data de inscrição : 24/05/2008

    Informações
    Consola(s): PS3\PS2\PS1
    Télemovel Télemovel: LG KS20

    Rise of the Argonauts

    Mensagem por Good em Qui Ago 14, 2008 12:08 am



    Arsenal mitológico

    Sem sombra de dúvidas afirmamos que Rise of the Argonauts terá foco nos combates. Mesmo com algumas pitadas oriundas do gênero RPG, o game não esconde o favoritismo pela violência. Sendo um combatente proficiente, o rei Jasão usará espadas, lanças ou maças no início do jogo, as quais poderão ser aprimoradas ao decorrer da aventura.

    Tenho tudo e mais um pouco para vocês! Além de poderem ser melhoradas, algumas armas também possuem características específicas. Lanças são capazes de perfurar escudos inimigos, enquanto maças oferecem danos especiais.

    Junto com os instrumentos de combate, o rei encontrará armaduras e vestimentas para ampliar sua defesa. Em boas condições ou não, Jasão terá de desferir diversos golpes e lutar racionalmente. Sendo assim, o jogador irá utilizar comandos para ataques rápidos, evasão, ataques com escudo e até mesmo para realizar um golpe devastador no adversário.

    Combinações serão bem-vindas. Aplicadas com variações entre ataques rápidos e devastadores, tais golpes serão extremamente eficientes para derrotar os inimigos mais durões. Além disso, enquanto o jogador desfere combinações avassaladoras ele poderá alterar entre suas armas de maneira dinâmica, mesclando ataques de lanças e espadas, por exemplo. Pobres inimigos.

    Oportunidades sanguinárias

    Para complicar ainda mais a vida dos pobres adversários, Rise of the Argonauts fornece um sistema de combates que promete não abusar de repetições para exterminar um simples oponente. Ou seja, poucos golpes serão suficientes para um excelente resultado. A prova disso é a capacidade de matar a maioria dos inimigos utilizando apenas um ataque.

    Nada como um golpe certeiro.


    Mas nem tudo é tão simples assim. Combinações serão exigidas para que a proteção adversária, como um escudo, seja inibida, fazendo então que uma das partes vitais do oponente fique exposta. Ao visualizar um torso, por exemplo, basta aplicar um golpe e literalmente rasgar o inimigo ao meio. A simplicidade é explícita: acertar um inimigo no pescoço fará com que ele perca a cabeça, nada de pontos ou jogadas em turno como ocorre na maioria dos RPGs.

    Fora os ataques físicos, o jogador poderá contar também com a ajuda de seres divinos provenientes da mitologia grega. Para isso, o gamer terá de acumular pontos em batalhas e aprimorar suas habilidades mágicas. Cada uma delas corresponde a um dos deuses, lista a qual inclui Apolo, Hermes, Áries e Atena. Como se pode deduzir, cada um dos deuses realizará golpes característicos, com resultados avassaladores tanto a Jasão quanto aos seus inimigos.

    A união faz a força!

    As oportunidades se expandem com a ajuda das companhias lendárias do rei. Uma das características de Rise of the Argonauts que remete aos títulos do gênero RPG é a possibilidade de recrutar membros e formar seu próprio grupo de aventureiros. E não são simples membros, mas sim guerreiros míticos como Hércules, Aquiles, Atalanta e Pan.

    Unidos e aproveitando a praia.Cada um deles conflita de sua própria maneira, com características peculiares. Os bons companheiros lutarão sozinhos, e não poderão ser controlados, mas ajudarão significativamente o rei. Ataques especiais são acionados caso o jogador encontre-se perto de um dos personagens não controlados. A força de Hércules, por exemplo, imobilizará inimigos no ar para que você possa cuidadosamente decepá-los.

    Sinta-se em casa

    Mas nem tudo será violento. Existem locais em harmonia, como é o caso da embarcação Argo. Assim como os jogos da série Knights of the Old Republic, o jogador contará com um quartel general móvel que também será utilizado para locomoção.

    Neste local, será possível conversar com vários passageiros apanhados através da jornada, rezar para a estátua da princesa Alceme — a amada de Jasão —, ou dedicar-se para realizar feitos divinos. Entre as diversas maneiras de agradar os deuses, está a missão de decapitar cinco inimigos seguidamente.

    O lar dos guerreiros.

    As armas e armaduras também terão um lugar especialmente dedicado na embarcação. Similar a uma sala de troféus, tal local irá permitir que o jogador admire a sua coleção de lanças, espadas, maças e armaduras. A seleção de equipamentos será importantíssima, pois não haverá a possibilidade de trocar o armamento ao aventurar-se pelos campos.

    Rumo à ascensão!

    Rise of the Argonauts tem tudo para ser um título exemplar para seus sucessores. Mitologia grega, muita ação — enxurrada de sangue — e pitadas de RPG devem consolidar o título. Chefes também marcarão presença no jogo, como é o caso da Medusa, apresentada na E3.

    O rico contexto histórico contribui para o excesso de pancadaria, e a variedade de opções promete fazer com que todos os jogadores navegantes de Argo obtenham uma experiência divinamente divertida. A ascensão dos argonautas deve chegar às prateleiras em setembro deste ano, nas plataformas Xbox 360, PlayStation 3 e PC.

    Baixaki


    _________________

      Data/hora atual: Qua Nov 22, 2017 10:06 am